Expotrabalho – A feira de empregos sem emprego

Desde o início do governo Farid Abrão, a secretaria de Emprego e Renda passou a ser comandada por Dudu Amorim, ex-assessor do Ex-Deputado Federal, Simão Sessim. A escolha política de Farid parece ter dado certo e tempos depois, o secretário realizou a Expotrabalho em 2017 e que chamou a atenção na época. 1 ano depois, veio a segunda edição do Feirão de Empregos, em que já mostrou um pior desempenho, ou melhor, boa parte da população percebeu a verdade.

Começando pelo nome, o termo Expo já demonstra que é um evento de exposição de algo, nesse caso, trabalho, porém, não é bem assim que acontece. Após passar por uma longa fila, os candidatos se deparam com uma estrutura de ação social e não de balcão de empregos. Boa parte do espaço utilizado fica por contas das centenas de cadeiras para assistir palestras motivacionais. Fora isso, existem representantes de diversos setores da prefeitura e outros órgãos que prestam orientações.

 Você gostaria de uma "palestra motivacional" do Simão Sessim!? Comente abaixo

Esse é o primeiro absurdo no local, um desempregado quer emprego e quer sair dali com esperança de conseguir algo e não ouvir o Ex-deputado Simão Sessim e outros políticos dando aquele sermão de bom samaritano. Muitas pessoas foram embora depois de perceber que tudo aquilo é mais uma ação política do que algo realmente sério.

Um dos participantes, ficou decepcionado e gravou essa mensagem em áudio:

O evento que estava previsto para durar o dia todo, só aconteceu de manhã. Pela a tarde, o local ficou expovazio.

Leave a Comment